sexta-feira, 29 de fevereiro de 2008

Custos ou desvios?

Blog do Rigon
O blog já havia falado do empreendimento, e agora o jornal Metro (SP) informa que o Parque Centenário - obra que marcará os 100 anos da imigração japonesa -, em Mogi das Cruzes (SP), custará cerca de R$ 3 milhões. O valor inclui uma réplica do Kasatu Maru, portais, quatro lagos e mil mudas de árvores.O Parque do Japão, idéia que Silvio II teve no final de 2006 para resolver uma anunciada cisão na comunidade nipo-brasileira local, sairá por R$ 4,6 milhões até o final do ano, chegando a R$ 6,1 milhões ano que vem. Aqui, só o ginásio de esportes custará R$ 3,5 milhões.[Como o relatório sobre a ciclovia de R$ 1 milhão da avenida Mandacaru diz que o valor é normal, a gente poderia mudar o nome da cidade, paraíso das empreiteiras, para Itu]

Silvio Barros o Lenhador ATACA de Novo!

Wil Scaliante





Opinativo:
Chega!!!!
É incrível o descaso do prefeito Silvio Barros II com as árvores e parques de Maringá.
A cada dia o prefeito autoriza o corte de mais árvores, será que Maringá ainda será conhecida como a bela cidade arborizada?
Acredito que não.
E não para por ai, o Parque do Ingá esta cada dia mais abandonado, garanto que em outras administrações o parque estava melhor cuidado. Falar que não se tem dinheiro para manter o lugar, é uma simples desculpa para poder privatiza-lo.
Talvez o prefeito em tempos criança, sonhava em ser lenhador, explicando assim o descontrolado gosto de exterminar as árvores maringaenses.
Só espero que esse sonho acabe logo e que ele não parta para a Amazonia.

Imagens retiradas do blog do Rigon.