segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

Juventude do PT debate no FSM integração latino-americana e caribenha

A crise do capitalismo e o avanço dos governos populares na América Latina criam uma grande oportunidade para a integração regional, e a juventude pode ter papel decisivo nesse processo.
A avaliação foi feita durante a mesa "O Papel da Juventude na Integração Latino Americana e Caribenha", organizada pela Juventude do PT ontem de manhã na Aldeia da Paz, montada no campus Ufra – um dos territórios do FSM.
“A juventude é sempre colocada como problema, mas isso não é assim. Ela é, na verdade, a primeira a sofrer as consequências da crise deste modelo econômico, principalmente com o desemprego. Por isso temos de promover esses debates para avançarmos cada vez mais”, afirmou Severine Macedo, secretária nacional de Juventude do PT.
O encontro, que reuniu jovens de vários Estados brasileiros, avançou para a criação de um espaço para a juventude no Foro de São Paulo – organização que congrega partidos de esquerda e progressistas da América Latina e Caribe.
"É fundamental neste momento de crise deste modelo, engajar a juventude cada vez mais, para que a possibilidade dessa integração fique mais forte, porque nossa divisão é a vitória deles", falou Rodrigo César, coordenador de Relações Internacionais da Juventude do PT.
Carlos Baráibar, deputado da Frente Ampla do Uruguai, convidado especial para a mesa da juventude, historiou o processo que culminou com a eleição de governos populares nos países da América Latina. Ele incentivou a participação do jovem na vida política e se comprometeu a realizar um programa de cooperação entre os jovens brasileiros e uruguaios.

Um comentário:

Anônimo disse...

Gosto de visitar o blog, mas a falta de atualização desanima. Quando iniciamos um projeto é necessário levá-lo a frente.