sábado, 20 de fevereiro de 2010

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

Dr Rosinha: "caiu a máscara do prefeito tucano", Beto Richa é investigado por propaganda eleitoral antecipada

Wil Scaliante
O prefeito Beto Richa (PSDB), teria usado de recursos públicos da prefeitura de Curitiba para fazer publicidade de sua gestão em jornais de outras cidades.
Primeiro foram publicados anúncios em dois jornais de Cascavel "O Paraná" e "Gazeta do Paraná". O dono do jornal "O Parána" é o parceiro de Beto Richo, o deputado federal Alfredo Kaefer (PSDB).
Na semana passada foi descoberto outro anuncio, agora no município de União da Vitória, distante 238 km da capital. O jornal chamado "O Comércio"publicou um anúncio de página inteira da prefeitura curitibana.
Para o deputado federal Dr. Rosinha (PT) "caiu a máscara do prefeito tucano". "Aquela alegação de que teria havido um erro da agência de publicidade em relação a Cascavel cai por terra. Não houve engano algum, houve uso irregular e premeditado de recursos públicos".
No dia 5 deste mês o deputado Dr. Rosinha protocolou uma denúncia a Procuradoria Regional Eleitoral, referentes aos anúncios da prefeitura de Curitiba em Cascavél. No documento o deputado pede a investigação por propaganda eleitoral antecipada. O Ministério Público estadual já começou a investigar o caso.
O prefeito de Curitiba por habitante gasta quatro vezes mais em propaganda do que o presidente Lula, de acordo com cálculos do mandato do Dr. Rosinha. Beto Richa prevê gastar R$ 28,2 milhões em propaganda ao longo de 2010.

Jornal de Cascavél


Jornal "O Comércio" de União da Vitória do lado
esquerdo publicidade da pref. de Curitiba

terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

Ivete Sangalo canta para Dilma no carnaval baiano

Wil Scaliante
Neste domingo (14) no Carnaval de Salvador, Ivete Sangalo cantou para a ministra Dilma que participava da folia. "Vai buscar Dilminha" improvisou sobre a música "Vai buscar Dalila".

Cuidado com o pedágio!

Wil Scaliante

sábado, 13 de fevereiro de 2010

Historiando: Especial de Carnaval - A vida de Noel Rosa

Wil Scaliante
O Historiando desta semana no embalo do Carnaval faz uma homenagem ao sambista Noel Rosa. Não perca: domingo 18:55 hrs e segunda 13:30 hrs na RUC 94,3

Tô dentro!!!

Wil Scaliante
Para os admiradores de um bom samba. Hoje no Tribo's tem banda Novo Trio, tocando samba original (Noel Rosa, Cartola, Adnoriam Barbosa, Chico Buarque...) eu vou, isso sim é carnaval.

Troca de favores entre PSDB e jovens do CTG de Ponta Porã

Wil Scaliante
Jovens do CTG de Ponta Porã irão se filiar ao PSDB. De acordo com relatos, essa filiação em massa será feita para que a juventude demonstre que é organizada e consiga que uma senadora do PSDB do Mato Grosso do Sul disponibilize recursos para o CTG local. Típico do PSDB o "acordão" será feito não para se discutir os rumos do país ou a política na região, mas sim, para se fazer uma troca de favores, uns entram no partido para fins eleitoreros e em troca recebem apoio financeiro para a instituição, vergonhoso!

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010

Homenagem

Wil Scaliante
“O homem não morre quando deixa de viver, mas sim quando deixa de amar.”
Charles Chaplin

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

Novo diretório e executiva do PT Maringá

Wil Scaliante
Ontem na sede do Partido dos Trabalhadores de Maringá foi realizada a posse do novo presidente do PT Maringá (Mario Verri), do novo diretório e da nova executiva.Durante a cerimonia o ex-presidente do PT Marino Gonçalves fez uma homenagem ao ex-prefeito de Maringá Adriano Valente que faleceu a pouco tempo, o filho dele, Alex Valente membro do diretório ficou emocionado com a homenagem.
O trabalho realizado pela juventude do PT em 2009 foi lembrado em vários momentos durante a posse. A JPT Maringá tem hoje no diretório do partido três membros, sendo eles: Carlos Emar Mariucci JR., Marina Periotto e Rodrigo Contessoto. O jovem Rodrigo que é secretário geral da JPT ocupa também uma vaga na executiva do partido representando a juventude, sendo secretário de comunicação.
No dia 28 deste mês o PT Maringá promoverá uma festa de comemoração aos 30 anos do partido. O evento será realizado na Assossiação do Sindicato dos Bancários, tendo um almoço (10R$) e um torneio de futebol. A JPT Maringá já confirmou a participação no torneio.


quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

De cara ou corpo pintado, com cultura Kayapó

Wil Scaliante para Revista Eu Tenho Cor

Por de traz das cores que encantam muitos e que poucos entendem, um pedaço do significado, da vivência e da cultura Mebêngokrê Kayapó


“Amre bé”, essa é uma expressão Kayapó usada para começar quase todas as histórias indígenas, parecido com “era uma vez”. Igual a nossa sociedade, os índios também têm histórias ou significados para a cor. Por exemplo, os Kayapós (ou mebêngokrê, como se autodenominam) usam dela para representar seu ambiente. E o Brasil? A nossa bandeira também foi escolhida para representar nosso país. O verde da mata, o amarelo da riqueza do ouro e o azul das águas. Na cultura desses índios, eles representam sua sociedade por meio das cores do “men okó” (o cocar).


No cocar as ordens das penas coloridas não são aleatórias. Como explica o site: www.historiadaarte.com.br, além de bonito o cocar indica a posição do chefe dentro do grupo e simboliza a própria ordenação da vida em uma aldeia. Em forma de arco o cocar contém o verde, o amarelo e o vermelho.

O verde refere-se às matas, que protegem as aldeias e ao mesmo tempo são moradas dos mortos e dos seres sobrenaturais. Um lugar considerado perigoso, já que foge ao controle Kayapó.

O amarelo indica as casas e as roças, áreas de responsabilidade da mulher. São lá, que elas pitam os corpos dos maridos e dos filhos, responsabilidade feminina na aldeia. Também é obrigação da mulher plantar, colher e preparar os alimentos.

O vermelho representa a casa dos homens, que fica no coração da aldeia. Essa casa é como se fosse uma “prefeitura” Kayapó, presidida apenas por homens. Lá eles se reúnem diariamente para discutir caçadas, guerras, rituais, conflitos com brancos e confeccionar adornos, como colares e pulseiras.

O cacique Nhakponti Menkragnotire, que concedeu entrevista por e-mail e apresentou dificuldade em escrever português, disse que as cores estão presentes na cultura indígena tradicional. Ele contou que na pintura corporal, o preto é a tintura mais comum, mas que eles também usam outras tintas como o verde da floresta, e o vermelho e o amarelo, que são usados para pintar os corpos em festas.

Menkragnotire explicou ainda que na produção do vermelho eles usam o urucum, também conhecido como colorau. O urucum é uma planta de origem da América Tropical, e é utilizado pelos índios para fins estéticos (tinta), para proteger a pele dos raios solares e também como repelente de insetos. Já para a produção do preto eles usam o genipapo, fruto comestível também oriundo da América Tropical. “Primeiro agente procurar os genipapos nos matos ai depois às mulheres fazem corte à colosso de genipapo, é tirar só a semente e depois mistura com a casca de tipo de madeira e árvores [carvão], depois de dois minutos as mulheres fazer pintura dos filhos dele ou do marido”, explicou o cacique.

De acordo com a Funai, hoje o Brasil têm em média 460 mil índios, distribuídos em 225 sociedade indígenas. A Funai explica que esse dado populacional atende apenas aos índios que vivem nas aldeias, e que além destes, estima-se que existam entre 100 e 190 mil vivendo em outras áreas, inclusive a urbana. A maior parte das aldeias dos Mebêngokrê Kayapó se encontram na região amazônica entre os estados do Mato Grosso e Pará.

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

Comentarista desmaia em jogo do Grêmio

Wil Scaliante
O ex-jogador Batista que atualmente é comentarista do canal PFC, não se sentiu bem durante o jogo do Grêmio contra o São Luiz, em Porto Alegre. Devido ao calor o comentarista desmaiou, os termómetros da capital gaúcha chegaram à 37 ºC durante a tarde.
Após atendimento médico, Batista voltou ao trabalho e até brincou: "Conheci o que é o apagão".

terça-feira, 2 de fevereiro de 2010

"Olêle! Olála! O Robinho vem aí e o bicho vai pegar!"

Wil Scaliante
A volta de Robinho ao Santos gera grande expectativa nos torcedores alve-negros. A estreia do jogador deve acontecer no proximo domingo, contra o São Paulo. Porém o craque já vem rendendo alegrias ao time santista, com a chegada do Robinho surgiram novas proposta de patrocínio para o Peixe.
A esperada dupla Robinho e Neymar, que promete infernizar as zagas adversárias, aparenta ser o ataque o mais habilidoso do Brasil, porém falta ainda um goleador. O jovem André vêm jogando bem e mostrando ser inteligente, já tem 3 gols no Paulista. Robinho, Neymar e André, formariam o ataque dos sonhos santistas?
Aguardem tricoleres "bambinos". Se vocês dormirem domingo vão acordar assim...